Itaú Blog

Equilíbrio entre vida pessoal e profissional

Foto do Autor

Itaú Empresas

• 11 minutos de leitura

Mulher sentada em uma cadeira mostrando alguns papeis pra uma criança que está sentada em cima da mesa
Mulher sentada em uma cadeira mostrando alguns papeis pra uma criança que está sentada em cima da mesa

Muitos empreendedores, especialmente aqueles que estão iniciando o negócio, passam por um desequilíbrio entre responsabilidades da vida profissional e pessoal. Algumas consequências são as múltiplas tarefas, uma rotina bagunçada, afazeres familiares deixados de lado e dificuldades no planejamento financeiro. Separar as contas pessoais das profissionais, por exemplo, é um aprendizado necessário nessa etapa.

Pensando em ajudar os novos empreendedores a conquistarem mais equilíbrio entre essas duas esferas, preparamos algumas dicas para colocar em prática o mais rápido possível. Continue a leitura e confira!

Os impactos da falta de equilíbrio entre vida pessoal e profissional

Os limites entre a vida profissional e pessoal nem sempre são muito claros. No caso de empreendedores, o desafio de encontrar o equilíbrio entre essas duas esferas pode ser ainda maior. Afinal, quando temos um negócio próprio, não há ninguém além de nós mesmos para estabelecer esses limites.

Desse modo, assim como no exemplo da Lúcia, você pode acabar com dificuldades para respeitar horários, necessidades de descanso e até mesmo para gerenciar as finanças. Veja só alguns dos impactos disso!

Efeitos psicológicos

Levar trabalho para casa significa que aspectos importantes da sua vida particular podem ser deixados de lado, como o convívio de qualidade em família e o lazer. Entre os resultados estão o cansaço extremo, os atritos nas relações familiares e o estresse acumulado.

Contas bagunçadas

Para quem está começando um negócio, uma das maiores dificuldades é separar as finanças. Usar o orçamento familiar para arcar com custos profissionais ou, ainda, retirar os lucros do negócio sem planejamento pode levar a endividamentos e prejudicar o próprio crescimento da sua empresa.

O melhor jeito de evitar esse problema é abrir uma conta bancária para pessoa jurídica (PJ). Desse modo, todas as movimentações da sua empresa fiquem organizadas em um único lugar e é mais fácil manter as finanças domésticas separadas.

Queda na produtividade

O desequilíbrio entre vida profissional e pessoal também pode ocasionar a queda de produtividade. Nem sempre trabalhar mais é sinônimo de mais resultados: lembre-se de que deixar o descanso e o lazer de lado pode aumentar a inclinação ao estresse e ocasionar a falta de energia e motivação no dia a dia.

As melhores dicas para equilibrar a rotina profissional e pessoal do empresário

Agora que você já sabe a importância de equilibrar a vida profissional e pessoal, veja as melhores dicas para empreendedores!

Organize sua rotina profissional

O primeiro passo é organizar a sua rotina profissional. Após fazer um diagnóstico do seu tempo disponível e da distribuição de seus compromissos, você pode se inspirar nas jornadas de trabalho tradicionais das empresas para criar a sua. Por exemplo, dedicar-se ao negócio 8 horas por dia e planejar ao menos um dia completo de folga durante a semana.

Além disso, não deixe de estabelecer o horário de início e fim das suas atividades profissionais, assim como as pausas para as refeições. Como não há nenhum superior para cobrar sua pontualidade, capriche na disciplina para cumprir essa rotina.

Saiba se desconectar de cada setor da sua vida

Agora que você já tem uma rotina de trabalho estabelecida, saiba aproveitar ao máximo o horário dedicado à sua empresa para que, ao finalizar sua jornada, você tenha a sensação de dever cumprido. Esse é o ponto-chave para que você não sinta a necessidade de realizar tarefas profissionais nos momentos reservados à vida pessoal.

O contrário também acontece: deixar de resolver problemas pessoais nos momentos dedicados à sua empresa é importante para garantir mais produtividade. Por isso, procure silenciar as notificações do celular durante sua jornada de trabalho, planejando horários fixos para conferir mensagens e ligações.

Fuja do comportamento centralizador

Ao começar um negócio, é normal ter múltiplas tarefas. Porém, tente não centralizar todas em você: se tiver alguém de confiança participando do seu negócio, aprenda a dividir os afazeres e distribuir as responsabilidades. Isso ajudará a aproveitar melhor o tempo e, assim, a conseguir mais equilíbrio entre vida profissional e pessoal.

Outra dica é contar com a tecnologia. Não hesite em investir na digitalização da sua empresa, por exemplo, com ferramentas para automatizar o envio de e-mails, mensagens automáticas no WhatsApp comercial e aplicativos de gestão financeira.

Crie uma conta bancária para sua PJ

Nós já falamos aqui sobre a importância de separar as contas pessoais das profissionais. Portanto, um passo fundamental é abrir uma conta bancária para PJ e aumentar a profissionalização do seu negócio.

É importante adquirir o hábito de realmente separar as finanças da empresa do seu orçamento particular. Isso pode até mesmo evitar problemas contábeis mais à frente, já que fica mais fácil declarar suas movimentações se todas as entradas e saídas estiverem reunidas no mesmo lugar.

Essa ação também resultará na maior organização financeira da sua empresa, além de trazer outros benefícios, por exemplo, a possibilidade de expandir seus negócios para clientes que só aceitam parcerias com pessoas jurídicas.

Estabeleça um salário fixo

Ainda na questão financeira, é importante evitar que todos os ganhos da empresa sejam automaticamente considerados lucros para o empresário, pois esse tipo de pensamento prejudica o planejamento financeiro do negócio. Assim, estabeleça o pró-labore, isto é, a remuneração fixa que você receberá todos os meses.

De tempos em tempos, a cada 6 ou 12 meses, analise o saldo da empresa. Caso haja uma boa margem de lucros, você pode retirar um pouco para o uso pessoal, reservar uma quantia para investimentos no próprio negócio e até mesmo reavaliar o valor do seu salário fixo.

Ao ler este conteúdo todo, você já tem boas dicas para alcançar mais equilíbrio entre a vida profissional e pessoal. Por mais que seja desafiador separar as coisas quando se trata de um negócio próprio, esses passos ajudarão a profissionalizar ainda mais a sua empresa.

Quer acompanhar mais dicas importantes para o seu negócio? Cadastre-se na área logada do Itaú Meu Negócio e tenha acesso a mais conteúdos como esse.

Vale a indicação: Já pensou em ter uma conta empresarial completa e com diversas soluções para ajudar na gestão da sua empresa? Confira os benefícios da conta PJ do Itaú Empresas.