Itaú Blog

Pílula de ETF: Halving do Bitcoin no radar do investidor

Uma das características marcantes do Bitcoin (BTC) é sua a escassez programada: Além do estoque limitado de emissão de até 21 milhões, a emissão de BTC reduz pela metade a cada 4 anos em um evento chamado de Halving.

Foto do Autor

Caique Cardoso

• 2 minutos de leitura

Historicamente, o Halving foi seguido de uma evolução de preço do Bitcoin, como pode ser observado no gráfico abaixo. Um dos fatores que explicam é a alta correlação do preço com a quantidade emitida do BTC.

Fonte: ig.com (escala log)

O próximo Halving está programado para acontecer em abril do próximo ano.

Com o BITI11 é possível investir em Bitcoin de maneira prática e segura:

  • Segurança: Estrutura sofisticada com custodiante internacional e parceiros reconhecidos no mercado global
  • Facilidade: Investimento via bolsa de valores, negociando como se fosse uma ação
  • Regulamentação: ETF em conformidade com regulamentação aplicável da CVM
  • Estrutura Itaú: Conta com toda estrutura da Itaú Asset, a maior gestora privada do Brasil

Clique aqui para conhecer mais do BITI11. Para investir busque a Itaú Corretora.