Itaú Blog

Até onde pode ir o rali das ações de empresas ligadas à inteligência artificial?

Analisamos alguns fatores para entender se a valorização recente das big techs ligadas à inteligência artificial tem fundamento ou se estamos diante de uma bolha

Niraj Patel, Chief Equity Strategist

• 2 minutos de leitura

Créditos: Itaú Private Bank

Um dos principais temas nos mercados em 2023 é a inteligência artificial (IA). A introdução do ChatGPT (pela Open AI, empresa em que a Microsoft tem participação) embalou um ganho de mais de 40% no índice do S&P 500 que acompanha o setor de tecnologia da informação. Ações de empresas como Nvidia, por exemplo, acumulam alta de quase 200% em 2023.

A apreciação das ações de companhias ligadas à IA é justificada? Tem substância ou é uma bolha? Estas perguntas são difíceis de responder quando estamos diante de uma empolgante novidade tecnológica e o entendimento só vem quando olhamos para trás, mas vale a pena analisar episódios passados de disparada dos preços de ativos e compará-los com o atual.

Confira o artigo completo.