Itaú Blog

Banco Central da China corta suas principais taxas de juros

No Radar do Mercado: PBoC decidiu reduzir suas taxas de juros em 0,10%, em linha com as expectativas do mercado

Foto do Autor

Itaú Private Bank

• 2 minutos de leitura

Créditos: Getty Images

O Banco do Povo da China (PBoC, na sigla em inglês), em sua reunião realizada nesta terça-feira (20), decidiu reduzir suas principais taxas de juros de referência para empréstimos de curto e longo prazos. Com isso, a Loan Prime Rate (LPR) de 1 ano foi reduzida de 3,65% para 3,55%. A taxa LPR de 5 anos, referência para hipotecas, também foi reduzida em 10 pontos-base, para 4,20%.

O corte nas taxas já era esperado, uma vez que o PBoC havia reduzido, na última semana, o juro de recompra (repo) e da linha de crédito de médio prazo (MLF) de um ano de 2,75% para 2,65%. A magnitude do corte para a taxa LPR de 5 anos, contudo, frustrou parte das expectativas que esperavam um corte maior, como forma de apoio ao setor imobiliário que continua mostrando sinais de fraqueza.

A decisão segue na linha de mais esforços por parte das autoridades chinesas para estimular a atividade econômica, que tem mostrado desaceleração no segundo trimestre, vindo de uma reabertura vigorosa no primeiro.

💬 O que achou deste conteúdo?