Itaú Blog

BC britânico eleva juros em 25 pontos-base e não descarta novas altas

No Radar do Mercado: o Banco da Inglaterra (BoE, na sigla em inglês) reduziu o ritmo de alta, elevando a sua taxa de juros em 25 pontos-base, para 4,25%

Foto do Autor

Itaú Private Bank

• 2 minutos de leitura

Crédito: Getty Images

O Banco da Inglaterra (BoE, na sigla em inglês) elevou nesta quinta-feira a sua taxa de juros em 25 pontos-base, para 4,25%, em linha com as expectativas do mercado.

Segundo o comunicado, a decisão não foi unânime. Dois dos nove dirigentes preferiam manter a taxa em 4%. O documento apontou que a reaceleração da inflação em fevereiro na comparação anual, para 10,4% no índice cheio e 6,2% no núcleo do indicador contribuíram para essa nova alta de juros.

O comunicado também informou que o BoE está atento aos movimentos de volatilidade do mercado financeiro global, em especial o setor bancário e as condições de crédito do Reino Unido. Também destacou que o sistema bancário do país é resiliente e tem forte liquidez, suficiente para resistir a um período de taxa de juros mais elevada.

A autoridade monetária espera que aconteça uma desaceleração significativa no segundo trimestre de 2023, e que volte para a meta de 2% no médio prazo. No entanto, reforçou que estão monitorando a situação de perto, incluindo o aperto das condições do mercado de trabalho, o comportamento do crescimento salarial e da inflação de serviços. Também afirmou que, caso haja evidências de uma pressão inflacionária persistente, mais aperto monetário pode ser necessário.

💬 O que achou deste conteúdo?