Itaú Blog

Ibovespa: o que muda se os lucros das empresas forem revisados para baixo?

A bolsa brasileira é negociada a múltiplos descontados; entenda o que pode mudar se o lucro das empresas no ano for revisado para baixo

Rodrigo Lopes & Eduardo Coccaro

• 2 minutos de leitura

Crédito: Itaú Private Bank

Quando falamos em estimativas de lucro por ação (LPA), ou earnings per share (EPS) em inglês, nos referimos ao lucro líquido de uma empresa dividido pelo seu número de ações. Logo, um LPA mais alto indica uma empresa mais lucrativa. Estas estimativas também são utilizadas para calcular o múltiplo de Preço/Lucro, o qual nos diz o quanto o mercado está pagando por cada real de lucro da empresa.

Já que investidores estão efetivamente comprando um fluxo de retornos futuros quando compram uma ação, é comum utilizar estimativas de lucro futuro, geralmente em um período de doze meses à frente, em vez de retornos passados. Para fazer esses cálculos, os analistas financeiros tendem a se basear em vários fatores e fontes, entre eles as próprias estimativas das empresas, indicadores econômicos e suas projeções para o mercado em geral. Uma vez que estas estimativas são divulgadas, podemos criar uma média das expectativas para cada companhia e, ao agregá-las, chegamos ao consenso de lucro por ação de uma cesta ou índice de ações.

Leia o artigo completo.