Itaú Blog

Japão surpreende o mercado ao ajustar controle da curva de juros

No Radar do Mercado: Banco Central do Japão surpreendeu ao ajustar sua política de controle da curva de juros. Já na China, o PBoC manteve suas taxas

Foto do Autor

Itaú Private Bank

• 3 minutos de leitura

Crédito: Getty Images

Em seu encontro de dezembro, o Banco Central do Japão (BoJ, na sigla em inglês) surpreendeu os mercados ao anunciar um ajuste em sua política de controle da curva de juros.

Apesar de manter inalterada a taxa básica de juros (-0,1%), o BoJ anunciou uma flexibilização da banda para os títulos de 10 anos, que agora podem variar +/- 50 bps (vs. +/- 25 bps anteriormente) frente à meta central de 0%.

A decisão surpreendeu especialmente pelo momento, uma vez que a expectativa por ajustes na política japonesa estava concentrada para após a mudança de liderança no BC, já que o mandato de Haruiko Kuroda termina em abril de 2023.

Kuroda reforçou que a decisão tem como objetivo melhorar o funcionamento do mercado de títulos e a formação da curva de juros, tratando-se de um ajuste para melhorar a sustentabilidade da política expansionista, não um aperto monetário.

Como consequência, houve imediato ajuste altista nos juros, o que também implicou em forte valorização da moeda, já que o yen segue de perto o diferencial de juros entre Estados Unidos e Japão.

Apesar da mensagem de que a decisão não visa endurecer a política, o movimento deve fazer com que o mercado antecipe as expectativas por novos ajustes, como potencialmente retirar o juro básico do território negativo.

Banco central da China mantém taxas de juros

O banco central da China (PBoC, na sigla em inglês) manteve suas taxas de juros de referência para empréstimos de curto e longo prazos inalteradas. Com isso, a Loan Prime Rate (LPR) com vencimento de um ano permanece em 3,65% ao ano, enquanto a LPR de cinco anos, referência para hipotecas, em 4,30% ao ano.

A decisão veio em linha com as expectativas do mercado, e seguiu a decisão de manutenção de suas principais taxas de juros da linha de crédito de médio prazo (MLF) na semana passada.

⚠️ Faremos uma pausa na publicação do "No Radar do Mercado" dos dias 26 a 30 de dezembro. Boas festas!

O que achou deste conteúdo?