Itaú Blog

O que esperar das “Midterms” nos Estados Unidos?

Além da composição do Congresso e suas possíveis implicações para políticas econômicas, as eleições podem oferecer informações sobre o que esperar para a corrida presidencial de 2024

Victor Camacho, senior economist

• 2 minutos de leitura

Crédito: Getty Images/Itaú Private Bank

No dia 8 de novembro, os americanos retornam às urnas para renovar as cadeiras da Câmara dos Deputados e parte do Senado. Conhecidas como "Midterms", as eleições de meio de mandato são realizadas dois anos após as presidenciais e funcionam como uma espécie de referendo sobre o partido na Casa Branca. Estão em jogo as 435 cadeiras da Câmara e 35 assentos no Senado. Além disso, governadores, prefeitos e vereadores de alguns estados também serão eleitos.

Atualmente, os democratas possuem maioria na Câmara, enquanto, no Senado, existe um empate, com 50 cadeiras para cada lado, com a vice-presidente Kamala Harris tendo direito a votos de desempate. Com a proximidade da disputa, dois fatores pesam a favor dos Republicanos, segundo especialistas.

Leia na íntegra.