Itaú Blog

The Weekly Globe: Um guia de sobrevivência para recessões

O mundo caminha para uma recessão? Ninguém sabe, mas um Fed agressivo, uma guerra na Europa e um bilhão de pessoas trancafiadas na China devem fazer até os mais otimistas ponderarem a questão

Foto do Autor

Itaú Private Bank

• 4 minutos de leitura

Crédito: Getty Images

O que aconteceu na última semana

Apesar de os casos de Covid-19 recuarem em Xangai, a aceleração em Pequim aumentou os temores no mercado de que a China adote mais medidas restritivas. A divulgação do PIB americano foi outra surpresa para o mercado ao recuar 1,4% no primeiro trimestre, enquanto a expectativa era de uma alta de 1%. A leitura aponta para a primeira contração do PIB desde o segundo trimestre de 2020.

Nesse contexto global, o S&P recuou 3,3%, as bolsas emergentes variaram 0,1%, as europeias caíram 0,6%, enquanto o Ibovespa fechou mais uma semana com queda, dessa vez de 2,9%. Na renda fixa, a Treasury americana de 10 anos subiu 3 pontos-base. Já o DXY valorizou 1,7%.

Acesse o relatório completo

Sem sinais de alerta no mercado de crédito

Por Alejandro Estevez-Breton, Chief Fixed Income Strategist 

Os mercados de renda fixa em dólar enfrentam alguns de seus piores meses e começos de ano em décadas, com perdas acentuadas impulsionadas por uma rápida reprecificação da trajetória de juros do Fed nos próximos anos. Há algumas indicações de enfraquecimento na atividade econômica, como um ambiente geral de políticas fiscais e monetárias restritivas, um choque do petróleo, um dólar americano forte, enfraquecimento da indústria imobiliária e de caminhões, além de algumas curvas UST invertidas.

Se a atividade econômica enfrenta desafios crescentes, estariam os mercados de crédito sinalizando uma mudança de ciclo?

Acesse o relatório completo

Um guia de sobrevivência para recessões

Por Roberto Martins, Global Wealth Solutions International

O mundo caminha para uma recessão? Ninguém sabe, mas um Fed agressivo, uma guerra na Europa e um bilhão de pessoas trancafiadas na China devem fazer até os mais otimistas ponderarem a questão. Os modelos de previsão de recessão em todo o mundo estão cada vez mais vermelhos.

Então, pensei que seria útil revisar algumas das regras que teriam ajudado os investidores a navegar as últimas recessões. Elas são simples, mas poderosas. Por exemplo, nenhuma recessão dura para sempre e, talvez, o melhor que você possa fazer seja nada. Mas se você não consegue resistir e quer se preparar para uma recessão, pequenos ajustes podem ser úteis.

Acesse o relatório completo