Itaú Blog

IGP-M registra deflação em março

No Radar do Mercado: a FGV divulgou o IGP-M de março, que registrou deflação; ainda hoje, foram publicados os índices de confiança do comércio e de serviços do país

Foto do Autor

Itaú Private Bank

• 3 minutos de leitura

O Índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M) divulgado pela FGV recuou 0,47% em março, abaixo da expectativa do mercado (-0,22%). O acumulado dos últimos 12 meses caiu para -4,3% na leitura de hoje, aprofundando a queda registrada em fevereiro.  

Os preços no atacado do setor agrícola aceleraram em março, com destaque para a alta nos preços da laranja e dos ovos. Já os custos no segmento industrial recuaram na leitura de hoje, influenciados principalmente pela queda no preço do minério de ferro.  

Em 12 meses, o setor industrial e o agrícola acumulam queda, enquanto os preços ao consumidor e os custos da construção seguiram contribuindo positivamente para o indicador.

Índices de Confiança do Comércio e de Serviços avançam

O Índice de Confiança do Comércio subiu 0,9 ponto em março, para 90,4 pontos, recuperando parcialmente a queda de fevereiro. A sondagem foi influenciada principalmente pela alta no índice de expectativas, que tem oscilado nos últimos meses, mostrando cautela por parte dos empresários. Dessa forma, o primeiro trimestre termina com um cenário relativamente mais favorável em comparação ao final de 2023 na percepção dos empresários do setor.

Já o Índice de Confiança de Serviços subiu 1,6 ponto para 95,8 pontos, revertendo a queda observada no mês passado e alcançando o maior nível desde outubro de 2022. Assim, o primeiro trimestre também termina com melhora na confiança do setor de serviços. Apesar disso, os resultados mantêm a percepção de perda de fôlego do setor sobre a situação atual observada nos últimos meses.

💬 O que achou deste conteúdo?

Leia também

Leia também

Nossa recomendação de investimentos de março

Nicholas McCarthy, Chief Investment Officer (CIO) do Itaú, resume a análise do cenári [...]

As histórias do Miami Open e do mercado de títulos de crédito privado no Brasil

TenisVesting: Miami Open e mercado de crédito privado brasileiro conquistam, respecti [...]

Copom: diante das incertezas, mudança nos próximos passos

No Radar do Mercado: o Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central reduziu [...]