Payroll: criação de vagas volta surpreende o mercado

No Radar do Mercado: a criação de vagas nos EUA veio acima das expectativas do mercado em março, enquanto a taxa de desemprego apresentou ligeira queda

Foto do Autor

Itaú Private Bank

• 3 minutos de leitura

O Payroll, relatório de folha de pagamentos do Departamento do Trabalho dos EUA, indicou a criação de 303 mil vagas em março, acima da projeção de mercado, que era de 214 mil. O resultado marca uma aceleração em relação à leitura de fevereiro (275 mil).

A taxa de desemprego caiu ligeiramente de 3,9% para 3,8%, queda um pouco mais intensa do que o esperado (3,8%). Já a taxa de participação subiu ligeiramente, para 62,7%, em linha com o esperado.

Os ganhos salariais por hora trabalhada subiram 0,3% em março, para 34,69 dólares, acelerando em relação a fevereiro. Nos últimos 12 meses, o rendimento médio ficou em 4,1%, desacelerando em relação à leitura anterior (4,3%).

Nossa visão: a criação de vagas superou novamente as expectativas do mercado, com a taxa de desemprego em queda e os ganhos salariais em patamar elevado.

A leitura de um mercado de trabalho ainda resiliente corrobora a visão de cautela dos membros do Federal Reserve (Fed, banco central americano) nos últimos discursos e na decisão de política monetária mais recente, quando as autoridades sinalizaram que estão preparadas para manter os juros no patamar atual por mais tempo e indicaram um processo de cortes mais gradual na atualização de suas projeções.


💬 O que achou deste conteúdo?

Leia também

Leia também

Nossa recomendação de investimentos de março

Nicholas McCarthy, Chief Investment Officer (CIO) do Itaú, resume a análise do cenári [...]

As histórias do Miami Open e do mercado de títulos de crédito privado no Brasil

TenisVesting: Miami Open e mercado de crédito privado brasileiro conquistam, respecti [...]

Copom: diante das incertezas, mudança nos próximos passos

No Radar do Mercado: o Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central reduziu [...]