Itaú Blog

Vendas no varejo surpreendem negativamente em dezembro

No Radar do Mercado: o volume de vendas no varejo brasileiro recuou tanto no conceito ampliado quanto no restrito em dezembro

Foto do Autor

Itaú Private Bank

• 2 minutos de leitura

O volume de vendas no comércio varejista ampliado apresentou uma queda de 1,1% em dezembro em relação ao mês anterior, ficando abaixo das projeções do mercado, que esperava uma alta (de 0,4%). Na comparação anual, o indicador mostrou estabilidade 0,0%.

A queda em dezembro foi disseminada. Entre os 10 setores analisados, sete contraíram no mês. A maior alta ficou com Hiper, supermercados, produtos alimentícios, bebidas e fumo, enquanto o destaque negativo ficou com Veículos e motos, partes e peças.

Já no conceito restrito (que desconsidera veículos, motos, partes e peças, além de material de construção), as vendas caíram 1,3% no mês em relação a novembro, uma queda bem mais profunda do que o esperado pelo mercado (-0,1%). Na comparação anual, as vendas acumularam alta de 1,3%, também abaixo das expectativas.

No quarto trimestre, no conceito restrito houve queda de 0,4% tri/tri, enquanto as vendas do comércio ampliado expandiram 0,4% tri/tri. Em 2023, o conceito restrito subiu 1,7%, e o ampliado 2,4%.

Nossa visão: em dezembro, a surpresa negativa ocorreu tanto no indicador amplo quanto no restrito. A leitura confirma nossa expectativa de um PIB levemente negativo no 4º trimestre de 2023.

💬 O que achou deste conteúdo?

Leia também

Leia também

Fed mantém juros pela quarta vez consecutiva

No Radar do Mercado: na reunião de hoje, o banco central americano decidiu manter o n [...]

Focus: queda na projeção de inflação para 2024

No Radar do Mercado: o Banco Central divulgou hoje mais uma edição do Relatório Focus [...]

IPCA-15 começa 2024 com alta de 0,31%; núcleo do PCE dos EUA avança 0,2% em dezembro | Private Insights

No Radar do Mercado: no centro das atenções dos investidores nesta sexta-feira estão [...]