Itaú Blog

Economia e mercados: BCE eleva taxa de juros

Entenda melhor os fatores que impactaram os mercados ao longo dos últimos dias em nosso boletim semanal

Foto do Autor

Itaú Private Bank

• 3 minutos de leitura

Crédito: Itaú Private Bank

O mercado foi surpreendido essa semana pela decisão do Banco Central Europeu, que começou seu ciclo de alta nas taxas de juros com uma elevação de 50 pontos-base. A expectativa era que as autoridades europeias optassem por uma alta inicial mais moderada.

Confira, abaixo, alguns fatores que impactaram os mercados nos últimos dias.

Inflação no Reino Unido atinge 9,4% em junho

O Índice de Preços ao Consumidor (CPI, na sigla em inglês) do Reino Unido subiu 9,4% em junho, acelerando na comparação com maio e ligeiramente acima das expectativas (9,3%). O núcleo do CPI, que exclui os itens mais voláteis, como alimentos e energia, registrou uma leve desaceleração, de 5,9% para 5,8% a/a.

Clique aqui e leia o texto completo.

Banco Central da China mantém taxas de juros

Como esperado pelo mercado, o Banco Central da China (PBoC, na sigla em inglês) decidiu manter suas taxas de juros de referência para empréstimos de curto e longo prazos. Com isso, a Loan Prime Rate (LPR) de um ano permanece em 3,7%, enquanto a LPR de cinco anos está em 4,45% ao ano.

Clique aqui e leia o texto completo.

Li Keqiang diz ser tolerável um desvio do PIB chinês

O primeiro-ministro chinês, Li Keqiang, sinalizou que pode haver flexibilidade na meta de crescimento do país (de 5,5% para este ano), reiterando cautela com o excesso de estímulos, uma vez que a expectativa é que a economia se recupere gradualmente das restrições contra a onda de Covid-19.

Clique aqui e leia o texto completo.

BCE eleva taxas de juros em 50 pontos-base

O Banco Central Europeu elevou suas três principais taxas de juros em 50 pontos-base e surpreendeu o mercado, que esperava uma alta de 25 pontos-base. Com isso, a taxa de refinanciamento passa para 0,5%, a de depósitos para 0% e a de empréstimo para 0,75%. A magnitude das próximas altas será decidida a cada reunião.

Clique aqui e leia o texto completo.

Rússia retoma envio de gás para a Europa

O gasoduto Nord Stream 1, que liga a Rússia à Alemanha, retomou 40% de seu funcionamento, após passar por uma manutenção previamente agendada. Ainda que parcial, o retorno alivia parte dos temores de que a Rússia poderia interromper totalmente o envio de gás para a Europa, o que implicaria necessidade de racionamento de gás durante o inverno.

Clique aqui e leia o texto completo.

PMI composto da zona do euro recua para nível contracionista

O índice dos Gerentes de Compras (PMI, na sigla em inglês) composto da zona do euro, que inclui os setores industrial e de serviços, caiu de 52,0 para 49,4 pontos em julho. Com a retração, o indicador se encontra abaixo de 50, nível que indica contração da atividade.

Clique aqui e leia o texto completo.