O que é conta PJ? Confira vantagens e como abrir a sua

Entenda o que é conta PJ, as vantagens de abrir uma conta bancária pessoa jurídica, para que serve e como abrir a sua para contar com os melhores benefícios!

Foto do Autor

Itaú Empresas

• 3 min minutos de leitura

A gente quer saber: você sabe o que é conta PJ? A resposta parece simples: “o lugar onde eu organizo o dinheiro do meu negócio”. Bem, superficialmente, é exatamente isso. Mas uma conta PJ pode ser muito mais.

Como um instrumento para separar suas finanças pessoais das corporativas, escolher opções de investimento e, claro, empreender melhor.

Agora, quer saber a razão pelas quais você vê tantas pessoas e instituições bancárias falando nesse tipo de conta?

É que, para quem empreende, ter uma conta PJ é como abrir uma porta de oportunidades para o crescimento do negócio.

Nesse artigo, a gente quer contar tudo para você: o que é conta PJ, para que serve uma conta jurídica, como abrir uma conta como PJ e também qual a melhor opção do mercado para você.

Vamos lá? Então é só continuar a leitura:

Afinal, o que é uma conta PJ?

Uma conta PJ é uma conta corrente bancária específica para empresas. Ou seja, é aberta sob o CNPJ do seu negócio, não sob o seu CPF. Na prática, é quase como uma conta para pessoa física (PF), porém com algumas funcionalidades especiais, como emissão de boletos e antecipação de recebíveis.

Outro ponto interessante é a possibilidade de aproveitar crédito facilitado, expandir seu negócio e multiplicar suas fontes de receita.

Claro, sem contar na função de folha de pagamentos — que simplifica a tarefa de estar em dia com as pessoas que ajudam você e a sua empresa a conquistarem os objetivos.

Ter uma conta corrente pessoa jurídica simplifica outras partes da gestão de um negócio, como:

● pagamento de impostos, tributos e taxas;

● acesso a um cartão empresarial que agiliza investimentos e movimentações;

● simplificação da cobrança, seja pela emissão de boletos ou uso da maquininha;

Por fim, vale ressaltar o diferencial da conta PJ em uma simples interação com um cliente.

Na hora da pessoa realizar um pagamento Pix para seu negócio, é o nome da marca e o CNPJ que aparecem na tela do celular — e não o nome de uma pessoa física. Ou seja, detalhes que fortalecem a relação e dão mais confiança para fechar vendas.

Para que serve uma conta jurídica?

Ok, agora que você entendeu o que é conta PJ, é hora de conhecer sua função. Trocando por miúdos, é uma conta bancária como qualquer outra, mas específica para seu negócio. Isso significa que ela deve ser aberta por um representante legal da empresa — uma pessoa do quadro societário, por exemplo. Na prática, falamos de um instrumento que profissionaliza sua operação. Afinal, mesmo que empresas não sejam obrigadas a ter uma conta PJ, ela pode fazer toda diferença na hora de separar finanças pessoais das corporativas. Além disso, é essencial para que a empresa cumpra com suas obrigações de forma mais transparente.

Qual a diferença de uma conta PJ e uma conta PF?

Muito se fala sobre o tema no meio empreendedor. Afinal, o que é conta PJ e PF? O que as diferencia? Como falamos anteriormente, distinguem-se algumas funcionalidades, mas principalmente sua audiência: uma visa empresas, outra as pessoas físicas.

Vamos abrir o jogo com você: controlar um negócio exige um tipo muito diferente de gestão financeira do que controlar suas finanças pessoais.

Afinal, o tipo de movimentação que fazemos como pessoas físicas é completamente distinto das movimentações que fazemos sob o CNPJ de uma empresa.

No primeiro cenário, pagamos boletos, realizamos PIX para uma compra, solicitamos empréstimos ou utilizamos um cartão de crédito — e, em alguns casos, o cheque especial.

Já na pele de uma empresa esse comportamento é diferente: temos folhas de pagamentos, a cobrança de clientes (algumas vezes inadimplentes), o pagamento de impostos.

Sem contar na eventual necessidade de acessar linhas de crédito para expandir sua operação, seja investindo em novo maquinário ou contratando novas pessoas.

Quais os benefícios de uma conta PJ para as empresas?

Certo, você já compreendeu o que é conta PJ, sua função e as diferenças para uma conta PF. Agora é a hora que a gente senta com você para te mostrar que, sim, vale a pena abrir uma conta bancária para o seu negócio. Como? Mostrando a você as principais vantagens desse instrumento financeiro. Veja só:

Atendimento personalizado

Sabe o que é mais bacana de abrir uma conta pessoa jurídica? O atendimento sempre ao seu lado.

Além da possibilidade de gerenciar todas as finanças do seu negócio no app, se pintar algum problema ou dúvida, você pode acionar seu gerente.

Ah, e o legal é que você escolhe como falar com o banco: prefere um papo rápido via WhatsApp? Ou quer centralizar o atendimento no chat do app?

Você ainda pode escolher a opção de ligação telefônica ou mesmo dar uma passadinha em uma agência física.

Cartão de crédito corporativo

Um dos pontos positivos de abrir uma conta PJ é contar com um cartão empresarial.

Aqui, falamos de todo um guarda-chuva específico de benefícios, que incluem — mas não se limitam a:

  • parcelamento de compras;
  • maiores prazos para pagamento de fornecedores;
  • centralização de todos os gastos direto no app (separando por categoria);
  • possibilidade de gerar cartão virtual para compras online mais seguras;

Gestão eficiente do capital de giro

A gente conhece as dores de quem empreende. Organizar o fluxo de caixa é uma das principais.

Uma conta PJ proporciona um ambiente prático, seguro e simples para o controle de movimentações e investimentos.

Sabe aquela experiência complicada de mexer com finanças, repleta de números que mais confundem do que esclarecem?

Uma conta PJ em um banco comprometido com a experiência de usuário é totalmente diferente, colocando você (e/ou as pessoas do quadro societário) a frente do dinheiro do seu negócio.

Como abrir uma conta pessoa jurídica?

Aprender o que é conta PJ? Check. Entender como uma conta empresarial funciona? Check. Conhecer os benefícios da conta de pessoa jurídica? Check.

Agora é hora de saber como abrir uma conta como PJ.

Como falamos anteriormente, basta ter uma empresa inscrita no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ) — com o porém de que ela não pode ser considerada uma empresa financeira.

Com o CNPJ em mãos, é preciso de um representante legal com poder de assinar individualmente pelo negócio, com seu documento em mãos (seja o RG, CNH ou RNE), e o contrato social registrado na Junta Comercial do Estado.

Fácil, concorda? Então confira os diferenciais e benefícios do Itaú Empresas. Quero abrir minha conta PJ agora.